quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

A Lista de Ano Novo ou #EuVouFazerEm2015





Primeiro de janeiro. Vamos deixar pra lá o ano que passou e focar no que queremos viver daqui pra frente. Acredito que você já tem uma lista do que quer realizar em 2015 e também aposto que só colocou itens que já figuram nas listinhas como essa de todo ano. Se for algo que comece com academia e termine com se alimentar melhor, caia na real, não vai acontecer! Não quero dizer que você não fará nenhuma dessas coisas em nenhum momento da sua vida, muito pelo contrário. O que estou tentando mostrar é que você, querido leitor, está criando uma lista de impossibilidades para seu ano. E o que é pior, você sabe!

No primeiro item na lista de resoluções de ano novo de qualquer pessoa (isso inclui a minha) deveria estar o comprometimento. Sim. Você só deve escrever os objetivos que realmente serão possíveis de se comprometer, para assim poder realizar. Do que adianta escrever que quero me tornar vegano, se todo dia almoço em uma churrascaria? Não que alguém em uma situação dessas não consiga, mas aí é ter muita força de vontade, e, convenhamos, alguém que coloca isso em uma lista de metas, pode ter tudo, menos força de vontade.

A tal força de vontade. Acho um bom segundo item para essa lista de objetivos do novo ano. Sem comprometimento não existe realização. Só intermináveis começos, sem continuidade ou conclusão. O eterno ciclo do inicio e, eventual, abandono. Mas, se existe a força de vontade de fazer mais um dia, mais um dia, por mais um dia... Vai chegar o momento em que ou você para de imaginar o “mais um dia” ou você já vai ter concluído muito mais do que imaginado antes.

Depois de você se comprometer e criar o hábito de ter força de vontade, vem o momento de ter um foco. Mas nada da tríade do F.

Abre parênteses: caso você não saiba, a tríade do F é a grande conhecida dos marombeiros do Instagram. Em algum momento, o seu amigo que passou a malhar pesado em 2014, também começou a tirar selfie no espelho da academia e tomar shake de alguma coisa, deve ter postado uma hashtag com: Força, Foco e Fé. Caso contrário, mantenha a amizade e em caso afirmativo, também mantenha a amizade, ninguém é perfeito nas redes sociais. Fecha parênteses.

Algumas vezes moda é... Moda! Só tenha um foco definido, como por exemplo, ler os grandes clássicos da literatura, que todos seus amigos nerds vivem citando, e você só balança a cabeça dando apoio, mas não abre a boca com medo que perguntem se você já leu tal livro e o que achou. Quem sabe, ficar por dentro das citações, não seja seu objetivo para 2015? Ou você pode querer coisas mais simples como ler todos os sete livros da saga de Harry Potter e assistir todos os filmes em seguida. Assim é possível comparar livro e filme, além de ter um belo foco, é claro.

O que vale na sua lista é o que te motiva a finalizá-la. Não precisa ter quinze ou vinte itens. Aqui quem vence é quem realiza o que se deseja. Mesmo que nesse ano novo você só queira uma única coisa, o que importa é concretizar e mais nada. Concretizando uma coisa de cada vez, só você vai sair ganhando.

E mesmo que esse texto seja lido ao longo de 2015 ou em outros anos, saiba que o que vale aqui é realizar alguma mudança positiva em sua vida. Qual ou o quê, aí é com você, amigo leitor.

Então, o que tem na sua lista de 2015? 
Leandro Faria  
Silvestre Mendes, o nosso colunista de quinta-feira no Barba Feita, é carioca e formado em Gestão de Produção em Rádio e TV, além de ser, assumidamente, um ex-romântico. Ou, simplesmente, um novo consciente de que um lance é um lance e de que romance é romance.
FacebookTwitter


2 comentários:

Anônimo disse...

Foco no dia a dia, fazer questão... Ter coerência no agir, pensar e sentir.
Não acredito em ex-romântico, acredito que o cara deixou de fazer questão e perdeu a sua essência, talvez a mais bela...
Mas foco é foco e que se alcance os desejos e as resoluções de ano novo sejam antes de tudo revoluções interior que fará do hoje um dia mais bacana de se viver.
Afinal, sem reforma intima não há obra que perdure.

Luciana disse...

Eu entrei 2015 sem lista..
vou deixar acontecer, e meus objetivos vão ser traçados ao longo do meu ano.