segunda-feira, 27 de abril de 2015

Não Tem Revolta Não...





"Mas não tem revolta não, eu só quero que você se encontre
Ter saudade até que é bom, é melhor que caminhar vazio
A esperança é um dom que eu tenho em mim, eu tenho sim
Não tem desespero não, você me ensinou milhões de coisas
Tenho um sonho em minhas mãos, amanhã será um outro dia
Certamente eu vou ser mais feliz..."
Sonhos (Peninha)

Vou te falar uma coisa: adoro essa música! Ela mexe comigo, com meus sentimentos. Peninha, né? Ele é o cara! Ah, é Paula Toller cantando? Tá na moda essas regravações, eu sei. Mas a versão original era com o Peninha e depois até o Caetano regravou. Mas eu era bem jovem naquela época... 

Se bem que os clássicos são os clássicos, a gente vai sempre escutar, não importa quando, seja com o Peninha, seja com o Caetano, seja com a Paula Toller. Seja com a Sandy, vai saber! 

Aumenta um pouquinho? Linda, linda, linda música! Poxa! Nunca tinha reparado na letra. Tipo, gostava da música, da melodia, cantarolava o refrão, mas nunca tinha reparado na letra. Que linda! Ah, desculpe, eu me emociono. Essa minha fase uma merda. Qualquer coisa me faz derramar lágrimas. 

Mas eu bem sim, muito bem. A culpa não é sua, relaxa! Te entendo, eu sei que não era o nosso tempo, que você precisava de espaço, sei de tudo isso! Você certo, eu sei! Se é pra ser, um dia vai ser! 

Olha essa parte, que linda! É o refrão! É igual ela falando, né? Amanhã será um outro dia. Verdade isso! Amanhã é um novo dia... Ah, me deixa cantar! Por que você SEMPRE tem de me censurar? 

Você tem que me falar uma coisa? Que coisa? Hum... Fala então, te escutando... Se eu quero que você seja feliz? Óbvio que quero, você é a pessoa que mais me fez feliz na vida! Eu só quero que você se encontre! E quem sabe um dia tudo não possa voltar a ser como era antes, né? 

O quê? Outra pessoa? Você tem outra pessoa? Mas você terminou comigo tem um mês dizendo que tava sem tempo pra se dedicar ao relacionamento e agora vem me dizer que envolvido com outra pessoa? Que porra é essa??? 

Calma!?!?!? Você vem me pedir calma agora?!? Eu vim aqui todos os dias esperando uma nova chance, bancando o idiota... E você envolvido com outro??? Você é um filhodeumaputadesgraçado, sabia? FILHODAPUTA! Isso sim! 

Gosta de mim? Gosta de mim o caralho, seu escroto! Ah, quer saber? Me esquece!!! E desliga essa merda de música! Essa letra é ridícula, a melodia é chata, é tudo uma merda! 

Tudo bem, tudo bem, estou indo embora. Ei, não precisa me empurrar! 

EU NÃO TÔ GRITANDO! QUEM VOCÊ PENSA QUE É PRA BATER ESSA PORTA NA MINHA CARA???


Leia Também:
Leandro Faria  
Leandro Faria:, do Rio de Janeiro, 30 e poucos anos, viciado em cultura pop em geral. Gosta de um bom papo, fala pelos cotovelos e está sempre disposto a rever seus conceitos, se for apresentado a bons argumentos. Odeia segunda-feira, mas adora o fato de ser o colunista desse dia da semana aqui no Barba Feita.
FacebookTwitter


Nenhum comentário: