sábado, 3 de setembro de 2016

Seja Você o Príncipe Encantado





Meninas idealizam e sonham desde criança com o Príncipe Encantado. Culpa dos contos de fadas machistas e hétero-normativos que nós, os gays, introjetamos também como nosso ideal. Parece um pensamento antiquado em tempos tão modernos e tecnológicos, mas apenas trocou-se a capa, a espada e o cavalo branco pelo abdômen tanquinho, com viagens internacionais no currículo, apreciador da boa gastronomia, bilíngue (no mínimo), pós-graduado, que entenda de cinema, teatro, literatura, artes plásticas e seja um furacão sexual. Ufa! Analisando bem, parece que a capa, a espada e o cavalo branco são exigências mais fáceis de serem atendidas.

Mas a pergunta que não quer calar é: você, com suas exigências de princesa intocável, está prepradx para também superar as expectativas do príncipe? Porque é muito fácil listar uma ATA cheia de itens a serem preenchidos pelo crush dos sonhos e esquecer que antes de tudo você precisa ser a pessoa que gostaria de ter ao lado. É muito simples fazer mil exigências, colocar mil empecilhos para dar uma chance à alguém e dar-se uma chance também, e não olhar para si mesmo.

Por que será que o Príncipe Encantado não aparece? Não é que você seja exigente, apenas acha que merece coisa melhor. Será que esse príncipe é apenas uma ilusão? Vou te contar um segredo. O tal príncipe existe sim, e até já cruzou o seu caminho. Sabe aquele carinha que você achou perfeito, que tinha tudo a ver com você, sua verdadeira alma gêmea, e você não entende porquê não rolou nada entre vocês? Então, ele é seu Príncipe Encantado, mas você não é o dele, logo não rolará nada entre vocês. Porque o Príncipe Encantado está procurando o mesmo que você, e é aí que está o problema, as exigências tendem a ser cada vez maiores e as expectativas nunca são superadas.

Então é aquela velha história: cuide do seu jardim para que as borboletas sejam atraídas a ele. Malhe para ficar em forma e com boa saúde, estude outros idiomas, invista em viagens, cultura, bons restaurantes, ou apenas seja legal, se essas forem suas prioridades e exigências para ter alguém do seu lado, mas invista em você, na sua bagagem, no seu bem-estar. Seja sua melhor companhia, seu primeiro amor. Seja o reflexo do que você deseja no outro. Não adianta desejar e exigir o que você não pode dar; seja recíproco. Você não pode querer que uma pessoa seja cheirosa se você mesmo não usa desodorante, é um exemplo tosquinho mas bem simples e real.

Com todos esses cuidados em sermos quem gostaríamos de ter ao lado para dividir a vida, bons beijos e sexo, é claro, sem esse papo de opostos que se atraem, já tá difícil, imagina se você não se esforçar, aí fica impossível te defender e torcer para que seu príncipe apareça em sua vida e vocês vivam uma linda história de amor.

Então, não esqueça, antes de se desesperar e enlouquecer porquê a alma gêmea ainda não te encontrou, e sair atirando pra todos os lados, pare e reflita se você é a pessoa que gostaria de conhecer pra tomar uma bebida, pegar um cinema e trocar ideias sobre qualquer assunto. Se a resposta for sim, seu meio caminho já está percorrido para que o tal príncipe surja na sua frente, porque ele também estará procurando e esperando por você.

Leia Também:
Leandro Faria  
Esdras Bailone, nosso colunista oficial do Barba Feita aos sábados, é leonino, romântico, sonhador, estudante de letras, gaúcho de São Paulo, apaixonado-louco pelas artes e pelas gentes.
FacebookTwitter


Nenhum comentário: