segunda-feira, 15 de julho de 2019

Divã: Se Ele Não Está A Fim de Você, Esqueça!





Então, gente, eu venci na vida. Não, não virei coach. AINDA. Mas recebi uma dúvida de leitora pedindo conselho amoroso. Pra mim!!!

EU. JURO. DE. VERDADE. VERDADEIRA.

E, empolgado como sou, me senti a Laura Müller do Barba Feita. E, claro, vou responder dando a minha mais singela opinião sobre o assunto. Porque eu até posso cagar na minha vida amorosa (o que nem é muito verdade), mas adoro dar bons conselhos para os amigos e, agora, leitores. 

Sem mais delongas, vamos brincar de terapia? Com vocês, a nova coluna do Barba Feita: Divã!

Leco

Vou ser bem honesta e dizer porque estou entrando em contato. Não sei mais o que fazer e não quero pedir conselho a nenhum amigo ou amiga que vão me falar mais do mesmo com medo de ferir meus sentimentos. E, lendo o Barba, pensei: por que não? Vai que você me responde, né?

É o seguinte: desde que conheci um amigo de uma amiga, conversamos e acabamos ficando. Foi amor à primeira vista e depois de ver que tínhamos os mesmos gostos pra praticamente tudo, você pode imaginar, né? No dia que nos conhecemos e ficamos, não queríamos mais largar um do outro. 

Então, depois de um tempo ele não quis mais nada, porque achou que eu não o aceitaria por ele ter um filho. Entretanto, durante esse tempo separados, a minha paixão permaneceu a mesma e permanece até hoje. Sei que não devo, mas meu maior sonho é namorar com ele. Infelizmente, antes ele dizia que queria só diversão comigo a nada mais. Mas, pra quem não queria nada sério, em menos de uma semana ele começou a namorar uma outra moça. No início eu fiquei com uma raivinha, pensando no que ela tinha que eu não, imaginando porque ele quis namorar com ela e não comigo. 

Esse é o meu dilema: amar um gato super lindo, simpático, engraçado, mas que não quer nada sério comigo, só curtição. E hoje ele já tem outra. Me dá uma vontade de fazer algum tipo de convite inusitado, só pra saber se ele é realmente fiel à namorada. 

Espero ansiosa que você leia essa mensagem e que, se tiver tempo, me responda com os seus conselhos.

Um beijo, 
Pagando pra Ver

Então, moça, pelo que entendi, você quer sinceridade, correto? Então não vou nem pedir desculpa e vou mandar logo na lata: tem gente que é idiota até dizer chega, né? Querida, na hora da distribuição dos adjetivos você entrou quantas vezes na fila que tinha uma placa de TAPADA embaixo? Tá fazendo a Shakira, loka loka loka? Assim não pode! 

Primeira dica (que vocês já deveriam saber): homem quando diz uma coisa está querendo dizer EXATAMENTE o que disse. Enquanto algumas mulheres podem usar de mil formas para dizer uma coisa simples (e sim, isso é uma generalização), um homem não é inteligente o suficiente ao se posicionar e nem sabe usar dessas artimanhas de falar uma coisa querendo dizer outra. Então, antes de tudo, acredite: se ele disse que com você era só diversão, é porque com você era só diversão. Aceita, dói menos.

Quando você fala do “amor à primeira vista” que viveram, para mim parece beeeeem claro que esse amor só existiu pra você, criatura. Ele curtiu sua companhia, se divertiu com você e imaginou que dividiam a mesma vibe. Quando você se tornou essa louca apaixonada, ele se assustou e usou a história do filho para sair pela tangente. Clássico! 

Outro agravante: apesar do amor à primeira vista com você e de não querer assumir nenhum compromisso, ele começou a namorar com outra, com quem está até hoje. E você “amando” esse super gato. Menina, preciso te dar um saculejo pra você acordar agora ou tá muito difícil? 

Sugestão: esquece! E não vai fazer o ridículo papel de testar a fidelidade do garoto. O que você pode conseguir é um sexo sem compromisso com alguém que vai te usar e descartar logo depois. Autoestima e amor-próprio é bom e a gente agradece. É o maior dos clichês, mas é verdadeiro: você deve aprender a primeiro se amar para só depois se dedicar a quem quer que seja. 

Parta pra outra JÁ. Pois como diz o filósofo: homem é igual biscoito. E a vida é feita de tentativa e erro! Antes de mais nada, o que você mais precisa no momento é de um bom gole de JUÍZO! Desse você pode beber até se embriagar. 

Um beijo, 
Leco Faria
___

Então, eu gostei de brincar disso. Então, se tiver alguma dúvida ou quiser o meu palpite, mande um email ou um direct lá no meu Instagram, ok? Vai que você aparece por aqui na coluna. Ou não! ;-)

Leia Também:
Leandro Faria  
Leandro Faria:, do Rio de Janeiro, 30 e poucos anos, viciado em cultura pop em geral. Gosta de um bom papo, fala pelos cotovelos e está sempre disposto a rever seus conceitos, se for apresentado a bons argumentos. Odeia segunda-feira, mas adora o fato de ser o colunista desse dia da semana aqui no Barba Feita.
FacebookTwitter


A opinião dos colunistas não representa necessariamente a posição editorial do Barba Feita, sendo estes livres para se expressarem de acordo com suas ideologias e opiniões.

Nenhum comentário: